segunda-feira, 30 de julho de 2012

Bolinha de sabão: diversão garantida

  Hoje poucas crianças conhecem as brincadeiras antigas porque a tecnologia transformou o mundo delas, trazendo elementos que as encantam com seus aparatos. Antigamente, por não existir muitos brinquedos, as crianças, sobretudo aqui no Recôncavo, usavam a criatividade para se divertir. As brincadeiras antigas eram: amarelinha, bolinha de gude, cantigas de roda, passa anel, roda pião, pipa e a bolinha de sabão.
  A bolinha de sabão é uma das brincadeiras mais divertidas que qualquer um pode fazer. As bolas flutuam no ar, grudam uma nas outras e podem ter vários tamanhos. Parece mágica! Basta um arame em círculo ou canudo, água e sabão. A brincadeira é antiga e não há quem deixe de experimentar.
  As crianças ficam encantadas quando as bolinhas estouram e também adoram correr atrás delas. Pode ser brincada de muitas maneiras e uma dica é aproveitar o tempo livre e convidar seus amigos para ver quem estoura mais bolhas ou forma figuras com várias bolhas juntas. 

 Sugestão:
  Consiga uma latinha (ou tigelinha) com água, um talo de mamona (ou um canudo mais grosso) e sabão em pó. No lugar do canudo você pode ainda substituir por um fio ou arame, faça um círculo em uma das pontas, para que fique parecido com uma raquete. 
  É só colocar o canudo, ou a ‘raquete’ na água ensaboada e soprar. Assim, formará dezenas de bolinhas transparentes, que vão bailar no ar até estourar. 

  Só deve ter cuidado na hora de soprar para não engolir a água ensaboada.
  Diversão garantida por um longo período!

Valdelice Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Literando