segunda-feira, 12 de setembro de 2011

Atividades diversificadas marcam III Conferência Municipal de Cultura de São Félix


      "Planejar é preciso'' é o tema central da III Conferência Municipal de Cultura de São Félix, que acontece durante os dias 12 e 13 de setembro, na Casa da Cultura Américo Simas. O evento atraiu artistas, representantes de instituições, políticos e comunidade em geral para promover debates que culminem com a construção de políticas culturais no município.
      Palestra, exibição de vídeos, apresentações e exposições culturais fazem parte dessa conferência, além da participação de grupos em seis eixos temáticos, aprovação do regimento, apresentação das propostas para votação da plenária e sistematização.
      “É muito bom participar desse evento, pois ajudamos a fortalecer a cultura de nosso município e poderia acontecer seminários semestralmente para estamos atualizando o que conseguimos ser aprovado na conferência”, comenta Teresinha de Jesus Oliveira, doceira e artesã da cidade.
      A palestra de abertura, feita por Hygor Almeida, chamou a atenção do público para identificar que tipo de cultura caracteriza São Félix e como criar proposta para fortalecer essa cultura. Em seu discurso, Hygor Almeida explicou o que é sistema municipal de cultura e a concepção tridimensional da cultura, que é organizada em simbolismo, cidadã e econômica. Para ele, a cultura é dinâmica e pode ser percebida em cada atividade realizada pelo ser humano ao longo da vida.
      Com mais de dois anos no cargo de secretária de Educação, Esporte, Cultura e lazer, de São Félix, Elba Matos comenta que para fortalecer a cultura é necessário parcerias e a participação de toda sociedade para pensar junto no que pode ser melhorado na cultura da cidade. “Fazer cultura em São Félix chega a ser um trabalho muito árduo, pois há uma dificuldade de parceria para realizar algumas atividades” destaca a secretária.

Conferência em outras cidades

      A III Conferência Municipal de Cultura de Maragogipe será dia 15/09, das 8:30 até as 17:30, no auditório da Casa da Cultura e na Fundação Vovó do Mangue. A de Cachoeira acontece dia 19 no auditório da Fundação Hansen Bahia, das 8hs às 18hs.

Valdelice Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Literando