terça-feira, 3 de novembro de 2009

Cidade Presépio completa 119 anos

Crédito: Valdelice Santos
       A cidade de São Félix completou 119 anos de emancipação política no dia 25 de Outubro, com vários eventos dedicados às crianças: parques, apresentações de palhaços, distribuição de doces e sorteios de bicicletas.
       As comemorações tiveram início na sexta-feira co
m a feira da cidadania, onde reuniu todas as secretarias do Município, enquanto no domingo aconteceu a missa celebrativa, a sessão solene, a feira de artesanato e o dia de ciranda, sendo que os dois últimos eventos novidades na festa.
       O dia 25 foi bastante festivo em toda a cidade, desde as 06h com a salva de 21 tiros até as 22h com o arrocha da cantora Helena Lídia e Banda. Pela manhã, durante a missa na Igreja Matriz em homenagem à data Magna, o padre vigário João Carlos Pestana salientou que todo sanfelixta tem a missão de ajudar a cidade crescer.
       O coral dos alunos da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), do curso de Licenciatura em Música do Pólo de São Félix, executou o Hino da cidade, seguido da música de parabéns, entoada pela Filarmônica União Sanfelista, encerrando a missa.
  • Novos cidadãos sanfelistas
       Na sessão solene, marcaram presença autoridades civis da cidade, funcionários públicos do Município, o Deputado Estadual Bira Coroa e vários moradores da cidade Presépio. O vereador Evaldo Batista contemplou três pessoas com o título de cidadãos sanfelixtas: os cachoeiranos Jadson Luis dos Santos e Gilmário Oliveira Vilas Boas, e o aracajuano Eduardo Jorge Santos Luis Prado.
       Já a vereadora Roquelina Rodrigues contemplou Luis Claúdio Cerqueira dos Santos e a ex-juiza da cidade Carla Carneiro Teixeira Ceará. Esta agradeceu poeticamente pelo título e falou de sua saudade da cidade, e que o tempo passou muito rápido quando ela desenvolvia o seu trabalho na cidade, citando o trecho da música Oração ao tempo de Caetano Veloso: "Tempo tempo tempo tempo".

  • Dia de ciranda
       Paralelo à sessão, aconteceu a feira de artesanato na Praça José Ramos. Já na Praça 2 Julho, a tarde foi das crianças, com o primeiro dia de Ciranda. Apresentaram-se os palhaços Puxa e Estica, o turma da Vovó Lurdes, o grupo de capoeira do CRAS, o grupo Águia do Futuro, Segura a Veia, o Samba de Viola e a cantora Helena Lídia e Banda.
       Também teve distribuição de lanches, picolés, sorteios de três bicicletas, brincadeiras no parque montado pela prefeitura e a apresentação do documentário Tradição, cultura e cidadania, que mostrou os pontos turísticos e ruas da cidade. "Estas novas ações são importantes porque ajudam interagir a comunidade e pretendo, a cada ano, inovar cada vez mais", afirma o prefeito de São Félix, Alex Sandro Aleluia de Brito.


Texto: Valdelice Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Literando